Energia solar: conheça as vantagens e desvantagens

Em tempos de altas taxas de energia no Brasil, é preciso economizar porque faz bem para o bolso e também para o planeta. A conta de luz que, teoricamente, ficou um pouco baixa em 2020 e 2021 devido à pandemia, novamente voltou a subir. Em maio deste ano, a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) autorizou concessionárias de 8 estados brasileiros a estabelecerem reajustes entre 15 e 25%.


Logo, procurar por alternativas renováveis de energia é uma excelente estratégia, não é verdade? Porque economizar não é só “a onda do momento” é questão de conscientização social e ambiental.


E é na hora de fazer a obra de reforma ou construção que é possível colocar na “balança” a questão do investimento em energia. Assim, vários pontos devem ser levantados com o proprietário da obra, engenheiro e arquiteto:


- A ideia de fazer ou não um projeto com energia solar.

- A viabilidade do investimento em energia renovável.

- A valorização da obra quanto à aplicação desse tipo de projeto sustentável.

- A descaracterização do imóvel na obra de reforma.

- Como tomar esta decisão por esse tipo de energia?


Foi pensando nesses pontos que escrevemos este artigo para mostrar a você as vantagens e desvantagens da energia solar. Aqui vamos te ajudar a entender o que você precisa saber para optar ou não por essa energia renovável. Quer saber mais sobre o assunto?


Então, confira aqui:


- Como estabelecer a diferença entre energia renovável e não renovável?


- Quais os dois tipos de energia solar?


- Qual a diferença entre elas?


- Quais as vantagens e as desvantagens da energia térmica solar?


- Quais as vantagens e as desvantagens da energia solar fotovoltaica?


Antes de conhecer os “prós e contras” desse recurso é preciso entender o que é energia.


Segundo a Física, “energia é a capacidade que um corpo, sustância ou sistema físico tem de realizar algum tipo de trabalho”. E essa energia pode ser renovável ou não.



Como estabelecer a diferença entre energia renovável e não renovável?


A energia renovável é proveniente de materiais ou sustâncias que podem ser repostos na natureza e demoram muito para serem esgotados. Por isso, apresentam pequeno impacto ambiental e logo são altamente sustentáveis.


Água – energia hidrelétrica

Ar – energia eólica

Sol – energia solar

Plantas – biomassa de energia


Fazem parte da energia não-renovável os materiais que tendem a acabar mais rapidamente na natureza, porque eles não podem ser repostos com tanta facilidade. Logo são fontes esgotáveis de energia, causando assim grande impacto ambiental no planeta.


Os combustíveis fósseis são os grandes “figurões” desse impacto além dos:


- Gás natural,

- Petróleo,

- Carvão,

- Urânio (da energia nuclear)


Neste texto, vamos falar apenas da energia solar, que vem do sol, uma fonte praticamente inesgotável de calor. É bom entender que ela é captada de duas maneiras. Então vem uma pergunta:


Quais os dois tipos de energia solar?


Existem duas maneiras de aproveitar a energia vinda do sol. A energia solar térmica e a energia solar fotovoltaica.

Qual a diferença entre elas?


Essa diferença está na captação da luz do sol.


Enquanto a energia térmica solar é o famoso aquecedor solar que utiliza o calor do sol para aquecer líquidos; a energia fotovoltaica utiliza as placas de mesmo nome para gerar energia elétrica através dos raios solares (ultravioleta). Ela utiliza a instalação dos grupos de sistemas fotovoltaicos para fazer essa conversão.


Em resumo: A energia térmica gera aquecimento solar do seu imóvel, enquanto a energia fotovoltaica gera eletricidade.


Na energia térmica solar, existem os chamados “sistemas solares térmicos” que usam coletores (que não geram eletricidade) ou tubos a vácuo, ambos aquecem a água. Os painéis de captação contém várias fileiras de tubos de água que coletam o calor do sol, aquecendo essa água e a armazenam em um reservatório térmico conhecido como boiler.


Quais as vantagens e as desvantagens da energia térmica solar?




Vantagens:


- Usada na água quente para o banho e demais torneiras ou em processos industriais, ela chega a reduzir o consumo de energia elétrica em de cerca de 80%;


- Rapidez e facilidade de instalação;


- Tem o gás natural (menos poluente) no auxílio do aquecimento de água em dias chuvosos.


- Utilidade em usinas térmicas como bagaço de cana-de-açúcar e casca de cereais.


Desvantagens:




- Impacto no aquecimento de água de rios.


Quais as vantagens e as desvantagens da energia solar fotovoltaica?


Vantagens:


- Energia limpa – um recurso totalmente renovável que não polui o meio ambiente, além de ser uma fonte de energia gratuita;


- Uma energia silenciosa que é boa alternativa em relação ao petróleo;


- Altamente sustentável – as placas fotovoltaicas são bastante resistentes e podem ser recicladas;


- Rápido retorno do investimento, podendo ser paga em 7 anos e com uma vida útil de cerca de 25 anos.


- Economia no bolso - redução de conta de luz em mais de 90%; podendo ser utilizada em áreas isoladas de rede elétrica;


- Produto de fácil instalação e baixo custo com manutenção;


- Valoriza o imóvel por ser um produto sustentável.


Desvantagens:


-Alto investimento para aquisição do produto;


-Não pode ser aproveitada durante a noite;


-Baixo investimento governamental no Brasil. Os preços das placas variam de acordo com o fabricante. Quanto maior a empresa, menor custo do produto. Entretanto, quanto maior a complexidade de instalação, o custo pelo produto também aumenta.




Lembre-se:


Energia térmica solar é aquecimento de água.


E se você realmente optar pela energia solar fotovoltaica, é preciso ter o projeto aprovado pela concessionária de energia elétrica da sua cidade para que você possa executá-lo.


Agora que você conhece as vantagens e desvantagens da energia solar, já pensou se realmente vale a pena para a sua obra fazer essa instalação? E falando em obra, seja de reforma ou construção, você vai precisar de caçamba para o descarte correto do entulho. Então, Alugalogo uma caçamba! É muito fácil!