O isopor® (EPS) e seu processo de reciclagem

O famoso isopor®,como é conhecido no Brasil, ou, como chamado tecnicamente, poliestireno expandido com ar (EPS) foi desenvolvido pela empresa alemã Basf, tendo sido descoberto em 1949 pelos químicos Fritz Stastny e Karl Buchholz.


Um de seus materiais de base é o petróleo e ele tem como característica ser leve, durável, atóxico e reciclável.


Então, se ele possui estas características, porque, há alguns anos, muitas pessoas condenavam e evitavam o uso do isopor®, com direito a campanha publicitária contra sua utilização?


No artigo de hoje, vamos falar disso e de outros pontos deste produto que é utilizado em larga escala no nosso dia a dia e da construção civil.


Tá bom! Aqui vai dois spoilers do por que da má fama do isopor®:


1. Quando descartado de forma incorreta no meio ambiente, ele pode levar cerca de 150 anos para se degradar;


2. Durante muitos anos seu processo de reciclagem era inviável financeiramente, algo que está mudando.


Se interessou, então segue os temas que serão debatidos:

- A composição do EPS

- Vantagens da utilidade na construção civil

- Outras aplicações do EPS

- Como fazer o descarte correto do isopor®?

- Viabilidade da reciclagem do isopor

- Como é o processo de reciclagem e quais produtos podem ser gerados pelo EPS

A composição do EPS


O EPS é um material sintético composto por mais de 97% de ar e, apenas, 2% de plástico, ou seja, bastante leve. Durante anos, falava-se na inviabilidade da reciclagem devido à sua composição. Entretanto, as empresas que se preocupam com o meio ambiente e aquelas especializadas em reciclagem têm aperfeiçoado a tecnologia para o EPS.


Vantagens da utilidade na construção civil



Por ser um material de baixo custo, reciclável, leve e de fácil manuseio, a construção civil tem utilizado o isopor® em várias aplicações:


- concreto leve (em blocos)

- telhas e forros,

- contra piso,

- sancas,

- revestimentos em laje, como isolante térmico, acústico e para prevenção de umidade e mofo);

- molduras.



Importante: A aplicação do isopor® na engenharia está tornando as construções mais sustentáveis.


Em países desenvolvidos, o EPS é também utilizado em grandes obras de construção civil, quando substitui os aterros convencionais para a construção de rodovias, ferrovias e muros de contenção, por exemplo.


É por essas aplicações que o EPS é uma tendência no mercado da construção civil devido também à sua durabilidade e resistência a impactos.


Outras aplicações do EPS



  • embalagens para alimentação (caixas térmicas);

  • elemento de proteção para o transporte de eletrônicos, eletrodomésticos, medicamentos e demais produtos médicos;

  • no agronegócio, pode servir como vasos para diversos tipos de cultivo de vegetais;

  • cenários de teatro e de outras produções artísticas;

  • produtos náuticos e de modelagem;

  • na papelaria (utilizado em produtos de artesanato e trabalhos escolares).

Como fazer o descarte correto do isopor®?


Por conter o plástico na sua composição, o descarte do isopor® (EPS) é simples. Encaminhe na coleta seletiva para as lixeiras de cor vermelha (para materiais plásticos), PEVs ou ecopontos os materiais tipo:


  • caixas de ovos e embalagens de comida (lavados) para facilitar o processo de reciclagem;

  • protetores que vêm dentro de caixas de eletrodomésticos ou demais produtos comprados em lojas virtuais;

  • restos de placas de isopor® (EPS) de revestimento acústico ou térmico e outros também utilizados na construção civil;

  • as bolinhas de isopor® (EPS) que compõem o enchimento de bonecas ou bichinhos de pelúcia.



Viabilidade da reciclagem do isopor®


Assim como o plástico, o isopor é um dos grandes poluidores do meio ambiente. Dito isso, o primeiro ponto é que toda a sociedade tenha consciência do descarte correto para que ele seja reciclado.


O entrave da reciclagem deste material está na conta peso x volume, que por ser composto em grande parte por ar(97%), tem seu reaproveitamento dificultando, mas não impedindo.


Se quiser saber se o seu município faz a reciclagem do isopor®, entre em contato com a COMISSÃO SETORIAL DO EPS.


Como é o processo de reciclagem e quais produtos podem ser gerados pelo EPS?


O processo vai desde a coleta do material, logística de transporte até as usinas de beneficiamento do produto.


São 3 tipos de reciclagem do EPS que incluem o reaproveitamento térmico, químico e mecânico do EPS.


Primeiramente, o material deve estar limpo para ser triturado. Por isso, muitas cooperativas não recolhem embalagens de alimentação, por não terem pessoal ou equipamento para a lavagem do produto.


Processo mecânico:


É o mais simples. As máquinas fazem a compactação do material, retirando os gases transformando-o em tarugos ou em flocos (pequenas bolinhas). Depois de derretido e granulado (cristalizado), ele volta a ser matéria-prima para vários tipos de produtos.


EPS vai dar origem aos pellets que vão para a máquina extrusora, produzindo placas de isopor reciclado ou para a máquina injetora que esculpe o material, transformando-o em vários tipos de moldes e outros produtos de plástico. Quando triturado, as bolinhas de isopor servem para fabricação do concreto leve, sancas e molduras para a construção civil.


Processo térmico:


O EPS é utilizado para recuperação de energia, porque o material tem grande poder de calor.


Processo químico:


O plástico é reutilizado para fabricação de óleos e gases, alguns tipos de cola e solvente, bem como sola de calçados.


Viu como é perfeitamente possível aproveitar os benefícios do EPS sem gerar danos para o meio ambiente? Agora...


Faça a sua parte!


Quando estiver fazendo o orçamento de sua obra, dê preferência a produtos derivados de EPS, como placas de isopor para sustentação de lajes (mais leves), sancas, molduras ou revestimentos. A sua construção será mais sustentável e bem econômica. Mas não se esqueça de alugar uma caçamba para obra de reforma ou construção, porque a gestão correta dos RCCs é de sua responsabilidade.


Por isso, estamos sempre prontos para te ajudar! Quer rapidez e praticidade no aluguel de caçamba de entulho? A Alugalogo tem! Clique aqui e faça um orçamento já!


Precisa de dicas de construção civil e sustentabilidade para se manter bem atualizado nesses assuntos? Então, continue acompanhando nosso blog!