Veja quais as tendências que a construção civil tem reservadas para 2022

Já estamos no mês de maio, mas ainda dá tempo de executar aquela obra de reforma ou construção que foi planejada lá no fim de 2021 como promessa para este ano, não é verdade?


No artigo de hoje, falaremos sobre as tendências que a construção civil reservou para 2022 como:


- Sustentabilidade,

- Tecnologia

- Estruturas modulares

- Terceirização de serviços

Já pensou no que pode ser feito de diferente na sua obra até o fim do ano? Mas você não precisa correr! Só estamos no quinto mês de 2022.

Como otimizar uma tarefa para diminuir custos ou reaproveitar um tipo de material para agregar mais valor ao seu projeto? O que o mercado da construção civil tem de planejado de inovação?

É totalmente possível dizer que os recursos sustentáveis são muito importantes e lideram esta lista porque...

Sustentabilidade não é clichê, muito menos a “nova onda”!

A cada dia, a sociedade tem se preocupado com questões sustentáveis no planeta para melhorar a qualidade de vida das pessoas, porque a Terra está pedindo socorro. Na construção civil, não pode ser diferente. Esta mudança de atitude, além de ser um compromisso social, vai interferir até mesmo na economia de muitos tipos de serviços, sejam eles terceirizados ou não.


Alguns exemplos de recursos sustentáveis que podem ser utilizados na construção civil:





- Energia renovável (uso de claraboias para iluminação natural, tetos solares),


- Economia de água (cisternas de coleta e armazenamento de água da chuva)


- Materiais recicláveis ou que podem ser reutilizados no canteiro de obras,


- Gestão correta RCCs;


- Madeiras de demolição,


- Tijolos ecológicos,


- Telhados verdes.



A tecnologia também se encontra entre as tendências deste ano.


A realidade aumentada é uma das grandes promessas para a atualidade. Softwers de engenharia estão trazendo os projetos do papel para os tablets e smartphones. É possível “construir” um prédio virtualmente e fazer os cálculos da engenharia para diminuir os custos da obra.




O uso de aplicativos móveis e até de drones facilitou a comunicação remota entre as pessoas e empresas. O mundo digital está otimizando inúmeros serviços.


O Building Information Modeling (BIM) é outro exemplo. Ele é a modelagem em 3D do projeto, utilizado na sua maior parte para investimentos de alto custo. Isso permite que as empresas otimizem os processos e tenham maior visibilidade do passo a passo na execução.


Estruturas modulares ou pré-fabricadas





O projeto que faz a escolha por estruturas pré-fabricadas ou modulares garante boa economia financeira, com a diminuição da quantidade de concreto, tijolos e tempo no cronograma da obra. As empresas que utilizarem deste tipo de material sairão na frente em um mercado tão competitivo.


Terceirização de serviços


Fazer a terceirização de alguns tipos de serviço ou utilizar do “faça você mesmo” pode lhe trazer uma grande economia no bolso. Conhece aquele famoso mutirão para o enchimento da laje? É muito comum nas cidades do interior, uma pessoa chamar vários amigos para esse serviço e no final “comemorar” o trabalho pronto, saboreando aquele churrasco com uma cerveja gelada. Muitos homens curtem muito esse serviço.


Já para um construtor, contratar mão de obra especializada (de empresa) para cada tipo de serviço vai ajudar a reduzir bastante o gasto com pessoal no canteiro de obras.


Como você viu neste texto, uma das grandes tendências não só da construção civil, mas do mundo atualmente é a sustentabilidade. E se preocupar com a gestão de RCC é tornar a sua obra mais sustentável.


Mas como fazer isso? Alugue agora mesmo uma caçamba com nossos parceiros na Alugalogo.


Temos profissionais capacitados e caçambas de acordo com as normas previstas em lei para o destino correto dos RCCs. Compromisso ambiental e sustentável é com a Alugalogo.