Tudo o que você precisa saber sobre custo de manutenção de equipamento!


Imagine a situação de no meio da execução de uma obra ter que parar tudo porque um equipamento apresentou defeito? A paralisação de um projeto pode gerar atrasos, atrapalhar a rotina de trabalho, e em casos mais graves, até mesmo prejuízo para quem está executando o projeto.


E para evitar problemas, é necessário calcular o custo de manutenção dos equipamentos para evirar paralisações desnecessárias no planejamento vamos trabalhar neste artigo, quais são as melhores medidas de manutenção para seus equipamentos, e como reduzir os custos, sem que isso prejudique a evolução do projeto.


Custo de manutenção de equipamento


Na gestão de qualquer obra, é necessário determinar quais os equipamentos serão utilizados. Sejam eles alugados, ou comprados, é imprescindível que o responsável observe o funcionamento e conservação do maquinário destinado à execução da obra.

E para fazer esse cálculo, é preciso levar em consideração alguns requisitos, que são: maquinário utilizado, tamanho do equipamento e área de utilização e tempo de uso.

Após essa avaliação, o responsável deverá estipular um orçamento para os custos da manutenção, esse valor irá garantir que os equipamentos sejam regularizados de forma imediata, evitando transtornos.


Tipos de manutenção


Após reservar uma parcela fixa do orçamento para a realização de reparos e ajustes nas máquinas, é importante saber também, que há 3 tipos de manutenção utilizadas para regularização dos equipamentos na construção civil. Elas apresentam soluções distintas para diferentes problemas, por isso é importante conhecer todas, confira.


Manutenção preditiva


Essa manutenção, se assemelha à manutenção preventiva, porém, a manutenção preditiva é o acompanhamento periódico de equipamentos ou máquinas, através de dados coletados por meio de monitoração ou inspeções.


Neste tipo de manutenção, é feito uma análise das condições reais do equipamento, que vão desde a observação da conservação e desgaste, até o desempenho dos equipamentos durante a obra. Esta análise também é capaz de indicar o tempo de vida útil restante do maquinário.


É um modelo de manutenção mais eficiente e seguro, pois, como é feito um acompanhamento de perto dos equipamentos, ele reduz as paralisações de caráter emergencial, impede o aumento de danos ao equipamento e potencializa os índices de performance.


Manutenção preventiva


Já a manutenção de caráter preventivo, não acontece de forma periódica, mas analisa o histórico de funcionamento das máquinas e orientações do fabricante. Ou seja, os serviços de reparo ocorrem de forma programada.


Essa manutenção previne a instabilidade de máquinas, falhas de peças e componentes integrados aos equipamentos, e possibilita o planejamento dos reparos, tem o intuito de identificar precocemente os defeitos, evitando transtornos.


A manutenção preventiva reduz o de risco de quebra e degradação de equipamentos, conserva as peças e ameniza os custos de compra de novas peças.


Por isso, é importante que o responsável pela obra antecipe e prepare sua equipe durante o período de manutenção, evitando interrupções no andamento das obras, que interfiram nos índices de produtividade do projeto.


Manutenção corretiva


A manutenção corretiva acontece quando o equipamento já apresenta um problema que atrapalha na execução das suas funcionalidades. Essa é a manutenção mais temida, pois ela mantém o equipamento parado por mais tempo, normalmente.


Existem 2 tipos de falhas que demandam a manutenção corretiva, são elas:


  • Falha Potencial: A falha potencial é o estágio inicial da falha, onde denuncia que há um problema, mas o equipamento ainda está desempenhando sua função.

Apenas quando não solucionadas, as falhas potenciais levam a quebra do equipamento.


  • Falha Funcional: Quando o equipamento não pode mais exercer a sua função, é dito que houve uma falha funcional, essa falha, é um agravamento da falha funcional, pois na falha funcional, o equipamento apresenta problemas, mas ainda é capaz de exercer a sua função.


A manutenção corretiva, é a mais onerosa para o responsável da obra, não só na questão financeira, pois a correção do problema exigirá um investimento maior, mas essa manutenção também atrapalha o planejamento e execução do projeto.


Por isso, sempre que possível, invista em manutenções preditivas e preventivas, são elas, que no final das contas serão as mais baratas em relação ao custo de manutenção de equipamentos.


Calendário de manutenções


Todo equipamento que necessita que qualquer uma das manutenções seja realizada, precisa ficar temporariamente paralisado, diante disso, é necessário analisar alguns requisitos para que essa paralisação não interfira na execução do projeto.


Confira o que deve ser observado para montar um calendário de manutenções preditivas e preventivas eficientes:


  • Quantos dias o equipamento precisa ficar parado?

  • Em quais dias o equipamento não é utilizado?

  • Quais os melhores horários para a inspeção dos maquinários?


Com essas perguntas respondidas, é possível criar o calendário e programar todas as manutenções, otimizando o tempo, diminuindo os custos, e aumentando a produtividade.


Alugue equipamentos


Se você visa economizar no custo de manutenção de equipamentos, a locação é a escolha certa!


O contrato de locação garante a manutenção dos equipamentos pelo locador, caso seja necessário, o que, além de dispensar um gasto a mais no reparo dos maquinários, também garante que a sua obra não fique parada e opere na sua capacidade máxima.


Já na compra do equipamento, não há como escapar de nenhuma das manutenções existentes, o que aumenta o custo do projeto, sendo assim, a locação é a opção mais econômica e vantajosa para qualquer empreendimento.


Além disso, aqui na Alugalogo, você encontra os equipamentos mais modernos, em excelente estado de conservação, para você ficar despreocupado com qualquer tipo de regularização do maquinário.


Conheça todas as nossas opções de equipamentos acessando a página principal do site, lá você pode realizar uma busca por todos os equipamentos disponíveis e realizar a sua cotação de forma simples e rápida!


Facebook: facebook.com/alugalogo

Instagram: instagram.com/alugalogo

LinkedIn: linkedin.com/company/alugalogo/


#Alugalogo #sustentabilidade #tecnologia #digital #caçamba #manutenção #preventivo #corretivo #equipamentospesados #linhaamarela #linhaleve #obra #construçãocivil