Conheça os tipos de caçamba e suas regras de utilização


As caçambas fazem parte do grupo de equipamentos pesados da construção civil, descartar de maneira adequada os resíduos de obras, reformas e eventos é extremamente necessário para a preservação do meio ambiente. Mas é preciso ficar atento aos tipos de caçambas escolhidas, para que elas sejam adequadas para a sua destinação.


Além disso, existem várias regras de utilização das caçambas tanto na parte interna quanto na parte externa das obras. Pensando nisso, a Alugalogo fez um guia rápido para você conhecer os tipos de caçambas, e a maneira correta de utilizá-las, confira!


Tipos de caçambas


Caçamba basculante


A caçamba basculante fica instalada em caminhões com a finalidade de transportar areia, brita, terra, grãos, vidros e entulhos de estradas e canteiros de obra.


Caçambas estacionárias


A identidade das caçambas estacionárias também é regulamentada pelos municípios, que normalmente exigem adesivos refletivos para ajudar na sinalização durante o dia e à noite, além do número de telefone do fornecedor do serviço. No caso de cidades sem regulamentação específica para o uso desses equipamentos, os usuários devem seguir as normas da ABNT.


As caçambas de entulho podem ter 3, 4, 5 ou 7 m³. Os modelos mais utilizados são os de 4 e 5 m³, por proporcionarem melhores condições para transportar o resíduo sem oferecer riscos ao veículo que a carrega, ao tráfego e aos pedestres. É necessário ter consciência da necessidade de se implantar o uso correto das caçambas, para evitar danos ao pavimento das cidades.


Não é possível ultrapassar o limite permitido para o preenchimento da caçamba nem utilizar a chamada “fominha” na borda superior da caçamba estacionária. Se o caçambeiro transportar uma caçamba com excesso de volume, o movimento do caminhão durante o trajeto pode arremessar o resíduo na via, atingindo outros veículos e pedestres.


Conheça agora os tipos de caçambas estacionárias:

  • Caçamba roll-on: Modelo de caminhão capaz de carregar e descarregar container-caçamba de 16m³ e 30m³. Transporta resíduos recicláveis, lixos e outros produtos a granel, resíduos orgânicos, sacaria, madeira, resíduos de poda, pequenas quantidades de solo, concreto, argamassa, cerâmicas, papel, plástico, gesso, metal etc.


  • Caçamba 17m³ compactadora: Esse modelo de caçamba é ideal para obras maiores, comportando resíduos grandes e sua capacidade equivale a 850 latas de areia.


  • Caçamba com tampa: Ideais para acondicionamento de resíduos que não podem ficar expostos, como resíduos de refeitório ou recicláveis, a tampa da caçamba é leve e prática, permitindo um bom manuseamento da peça.

Além de materiais reciclados ou orgânicos, podem transportar concreto, argamassa, cerâmica, papel e outros materiais provenientes da construção.


  • Caçamba 8m³: A caçamba de 8m³ é um modelo utilizado e recomendado para obras, reformas e eventos de grande porte e pode carregar o volume de até 96 carrinhos de mão. Nela também são descartados concreto, argamassa, cerâmicas, papel, plástico, gesso, metal, madeira.


  • Caçamba 6m³: A caçamba 6m³ é utilizada e recomendada para obras e reformas de pequeno porte. Sua capacidade equivale a 72 carrinhos de mão. Nelas são descartados o mesmo tipo de material da caçamba de 8m³.


  • Caçamba 5m³: É o modelo de caçamba mais tradicional que conhecemos, ideal para obras e reformas de pequeno porte, com capacidade total de 250 latas de areia ou 36 carrinhos de mão, é uma ótima solução para o descarte de materiais provenientes da construção.


  • Caçamba 3m³: Ótima opção para reformas e obras de pequeno porte, sua capacidade é equivalente a 150 latas de areia ou 22 carrinhos de mão. A caçamba é menor comparada às anteriores, porém possui uma boa capacidade para volume de entulho.


Regras de utilização das caçambas em espaços externos


Com várias regras previstas na legislação (Lei 8.616/2003), a colocação e a retirada da caçamba devem considerar as normas de trânsito, a limpeza urbana, o meio ambiente e, claro, a segurança de pedestres e veículos. Além disso, é necessário que a empresa prestadora do serviço faça o licenciamento prévio nas Prefeituras. Se as regras de utilização do equipamento forem respeitadas, evitam-se apreensão, multa e acidente de trânsito caso esteja mal sinalizado ou em local indevido.


As caçambas devem ter cores vivas, preferencialmente combinando amarelo e azul ou alaranjado e vermelho, possuir tarja refletora nas extremidades para assegurar a visibilidade noturna e estar identificada com o nome do licenciado e número do telefone da empresa nas laterais externas. Além disso, ao contratar o serviço, é importante que o cidadão exija o comprovante de despejo para garantir que o resíduo teve a destinação correta.


A colocação de caçamba no logradouro é proibida junto ao hidrante e a menos de 5 metros da esquina do alinhamento dos lotes. Além disso, não pode ultrapassar a faixa delimitada para estacionamento de veículos. O tempo de permanência no mesmo local é de três dias.


Regras gerais


A caçamba deve ter as seguintes características:


  • Capacidade máxima de 7m³ (sete metros cúbicos);

  • Cores vivas, preferencialmente combinando amarelo e azul ou alaranjado e vermelho;

  • Tarja refletora para assegurar a visibilidade noturna;

  • Identificação do nome do licenciado e do número do telefone da empresa nas faces laterais externas.


É permitida a colocação de caçamba em logradouro público:


  • No passeio, na faixa destinada a mobiliário urbano ou faixa gramada, desde que deixe livre faixa para circulação de pedestre de no mínimo 1,50m (um metro e cinquenta centímetros) de largura;

  • Na via pública, ao longo do alinhamento do meio-fio, em sentido longitudinal, não ultrapassando a distância de 0,30 m (trinta centímetros), contada transversalmente a partir do meio fio;

  • Na via pública, inclinada em relação ao meio-fio, desde que obedecida a distância máxima de 2,70m (dois metros e setenta centímetros) entre o meio-fio e o ponto da caçamba mais distante deste.


Não é permitida a colocação de caçamba:


  • A menos de 5m (cinco metros) da esquina do alinhamento dos lotes;

  • No local sinalizado com placa que proíba parar e estacionar;

  • Inclinada em relação ao meio-fio, quando ocupar espaço maior que 2,70m (dois metros e setenta centímetros) de largura.


Quanto ao tempo de permanência:


  • O tempo de permanência máximo por caçamba em um mesmo local é de 3 dias úteis.


Regras de utilização das caçambas em espaços internos


Em local interno não há limites de dias estabelecidos pelas prefeituras, porém essa quantidade é definida de acordo com o período de locação da empresa prestadora de serviço, em geral esse tempo varia entre 3 a 10 dias.


Caso o cliente não consiga concluir sua obra no período estabelecido, ele pode prorrogar o aluguel da caçamba por mais alguns dias, devendo pagar, portanto, o novo período de locação.


Em caso contrário, com a antecedência no período de entrega da caçamba, o cliente poderá entrar em contato com a empresa e solicitar a retirada do material.


Especificações técnicas


Quem contrata uma caçamba estacionária deve exigir sempre o Controle de Transporte de Resíduos (CTR), que é a única garantia da destinação correta do entulho.


De acordo com a ABNT, as caçambas de entulho devem ser elevadas por suportes com eixos que tenham diâmetro máximo de 51 mm e mínimo de 38 mm, dotados de cabeça e soldados aos reforços nas laterais, por onde são engatadas as alças das correntes do poliguindaste. Por sua vez, o eixo de basculamento possui diâmetro máximo de 32 mm e mínimo de 25 mm e é fixado por suportes na testeira da caçamba, para possibilitar seu basculamento através de um engate.


Para alugar caçambas com todas as especificações técnicas necessárias, e que destinará os resíduos de forma correta, é só na Alugalogo! Acesse a página inicial do nosso site e alugue caçambas com garantia e segurança do cumprimento das normas exigidas!


Facebook: facebook.com/alugalogo

Instagram: instagram.com/alugalogo

LinkedIn: linkedin.com/company/alugalogo/


#Alugalogo #digitalização #digital #caçamba #legislação #entulho #obra #construçãocivil